sexta-feira, 20 de julho de 2012

eu amo a noite


eu amo a noite, 
sou filho do breu, 
há quem não compreenda

   ( edu planchêz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário